Prefeitura de Araguaína licita construção de novo Hospital Municipal Infantil

Por Ascom Prefeitura de Araguaína 07/10/2019 - 22:02 hs

Araguaína está mais próxima da construção de uma sede própria para o Hospital Municipal Infantil Doutor Eduardo Medrado. Foi publicada no Diário Oficial nº 1.899, de 18 de setembro, a licitação para elaboração dos projetos e também execução da obra do novo prédio. As propostas do Regime Diferenciado de Contratação (RDC) 001/19 serão conhecidas no próximo dia 14 de outubro, às 13 horas, na Sala de Licitações da Prefeitura.

 

A unidade será elaborada com base no projeto básico que já foi aprovado pela Caixa Econômica Federal, em julho. O objetivo é garantir a qualidade no atendimento do hospital que, atualmente, funciona em prédio alugado. “Será criado uma comissão com engenheiros das secretarias de infraestrutura, Captação, Saúde e Planejamento para acompanhar a elaboração do projeto”, explicou a secretária executiva de Captação e Gestão de Recurso, Karoline Galli.

 

Novas instalações

O novo prédio ficará localizado no Setor Jardim das Flores e terá uma área de aproximadamente nove mil metros quadrados, com possibilidade de ampliação vertical no futuro, podendo chegar a mais de 15.000 m². 

 

Para a construção serão investidos mais de R$ 22,9 milhões, sendo R$ 19,3 milhões oriundos de emenda impositiva da bancada federal tocantinense e R$ 3,5 milhões do Tesouro Municipal.

 

A unidade contará com ambulatório de pediatria e cirurgia ambulatorial de adultos; salas de pesquisa química, coleta e imagens; pronto atendimento de urgência e emergência; hall de entrada, onde será feito o acolhimento de pacientes; alas de internação; centro cirúrgico; capela ecumênica; salas para administração; sala de suprimentos e almoxarifado; espaço para farmácia e nutrição; e a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Pediátrica.

 

Atendimento especializado

O Hospital Municipal de Araguaína é referência para região Macrocentro Norte, atendendo a pacientes de Araguaína e toda a região em baixa e média complexidades na área de pediatria. É administrado pelo Instituto de Saúde e Cidadania (ISAC) e atende com 60 leitos. A Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) Pediátrica também fica localizada no prédio e conta com 10 leitos.